As Médicas Gêmeas que Fizeram um Pacto de Fome de Nunca Ganhar peso.

Elas são médicas treinadas, cujos pais são escritores eminentes - ainda há 20 anos, essas gêmeas idênticas têm competido um com a outra da maneira mais inquietante que se possa imaginar, competiam pra quem conseguiria não ganhar peso. Mesmo agora, com corpos e vozes infantis sobrenaturalmente, as mulheres jovens admitem que lutam para dar sentido ao que aconteceu em suas vidas. Para o desespero de seus pais - Christy 58 anos de idade e sua esposa Clara, 56 - as gêmeos passaram a maior parte de sua vida adolescente e adulta dentro e fora de clínicas de recuperação diferentes. Hoje, as gêmeas serão novamente hospitalizadas por vários meses - só que desta vez, elas dizem, que elas estão determinados a vencer a doença.

O Modelo que Morreu de Anorexia

Jeremy Gillitzer era uma vez um modelo com aparência deslumbrante. Mas o que a maioria das pessoas não sabem é que por trás do que parecia estar ótimo, ele lutou contra a anorexia e bulimia durante a maior parte de sua vida adulta. Através de um regime de fome crônica, vômitos auto-induzidos e exercícios incansáveis, ele transformou seu corpo em pelo e osso.Ele morreu em 2010 na idade de 38 anos, ele pesava 29 KG.

A Mãe Anoréxica que usa as Mesmas Roupas, Que sua filha de 7 anos de idade

Em pé lado a lado com roupas combinando, você seria perdoado por confundir Rebecca Jones(direita)e Maisy(esquerda) como irmãs. Mas, na verdade, este é um retrato de uma mulher de 26 anos e sua filha de sete anos de idade. Depois de sofrer de anorexia metade de sua vida, a pequena Rebecca se encaixa facilmente em roupas projetada para 7-8 anos de idade. A jovem mãe pesa menos do que sua filha, apesar de ser 8 centímetros mais alta.

"Vestindo a mesma roupa que Maisy me dá um sentimento de orgulho É errado, mas me faz sentir bem Eu não acho que eu sou fina -.. Eu sempre me vejo como maior."

Rebecca sobrevive com torradas, sopas e bebidas energéticas - apesar de os médicos terem a advertido que a falta de nutrientes poderia matá-la. Ao mesmo tempo, ela incentiva Maisy a desfrutar de chocolate e cupcakes.

A garota Anoréxica Que Caminha 12 Horas por Dia para Perder Peso

Uma mulher anoréxica que perdeu muito peso, depois de andar até 12 horas por dia tem lutado para recuperar a saúde.Lauren Bailey luta a aproximadamente dez anos, para superar a condição de que quase a matou depois que o seu peso caiu para o peso de uma criança de cinco anos de idade. A mulher de 26 anos, que chegou a caminhar todos os dias das 6:00 as 18:00, passou 18 meses em hospital em uma última tentativa para superar a anorexia.

Mãe de Anoréxica se Junta a Luta da Filha e perde Quase 20 Kg

Dolly Jenkinson é a mãe de uma anoréxica. Ela não pode dizer exatamente quando sua filha Ruth, agora com 17 anos, desenvolveu o distúrbio alimentar que quase a matou, mas Dolly de 44 anos, foi na viagem com ela e é honesta sobre onde ela a levou. Poucas mães de anoréxicas teriam tomado a postura de "jogar o jogo" para o nível que Dolly fez. Depois de anos acompanhando a filha que acompanha sessões de tratamento convencional, visitas , mesmo assinando os papéis para internar ela. Um gerente de uma empresa de construção de Northover, amigo de Dolly, veio com sua própria idéia de como ajudar Ruth a vencer a anorexia.

Então, qual foi sua solução? Incrivelmente, ela embarcou em uma dieta, juntando-se a Ruth em um "pacto", ela mesmo descreve como ilógico. Ela diz que o terapeuta de sua família encarregado de ajudá-los a lidar com a anorexia, ficou horrorizado com a "solução" radical.

A Mãe que Sofria de Pregorexia e agora Luta para Promover a Conscientização da Existência e Importância da Luta Contra o Transtorno Alimentar

Enquanto a maioria das mulheres grávidas fica maravilhada com a gravidez, Maggie Baumann diz ter ficado "horrorizada". "Como meu estômago começou a crescer, eu lembro de estar no chuveiro e minha colisão foi saindo e eu olhei para o meu corpo e eu pensei, 'Eu não quero nem estar neste corpo'", disse Baumann. Baumann, uma mãe de 48 anos de idade, diz que lutou com um transtorno alimentar durante a gravidez, uma condição por vezes referido como "pregorexia." "Eu nem estava pensando sobre o bebê", disse Baumann falando de sua primeira filha, Christine, que é tem agora 23 anos.

Baumann, que mora em Laguna Niguel, Califórnia, lutou com anorexia desde seus anos de colégio, mas que piorou depois que ela se casou e começou a ter filhos. "Eu temia a minha gravidez", disse Baumann. "Eu me recusei a comprar roupas de maternidade e os nossos vizinhos nem sabiam que eu estava grávida até o nono mês.

Baumann diz que foi durante sua segunda gravidez, ela começou o excesso de exercícios para tentar acabar com a barriga crescendo. Uma hora e meia de corrida, ciclismo e até mesmo de voleibol - era típica para ela até que ela deu à luz. Mesmo quando Baumann quase abortou Whitney no início de sua gravidez, a idéia de cortar o exercício e aumentar a sua ingestão calórica diária não era uma opção.

Finalmente sofrendo de dor no peito, Baumann foi para a sala de emergência e depois que os médicos lhe disseram que seus órgãos estavam falhando, ela buscou ajudo em um centro de tratamento no Arizona. Hoje, Baumann mantém um peso saudável e se orgulha que suas filhas vivem da mesma forma.

Modelo Anoréxica que Chocou o Mundo Posando em uma Campanha Contra a Anorexia

Muitos de vocês se lembrará de Isabelle Caro, modelo corajosa que descobriu um jeito de mostrar a todos o verdadeiro horror da anorexia. Isabelle perdeu sua batalha contra o transtorno alimentar em Novembro de 2010, com 28 anos depois de ser tratada contra uma doença respiratória aguda. Isabelle apareceu em cartazes para uma campanha anti-anorexia em 2007, mas os anúncios foram proibidos em vários países. A campanha anti-anorexia veio em meio a um debate entre os círculos da moda sobre o uso de modelos "ultra-magras" na passarela.

Caro sofria de anorexia nervosa grave desde os 13 anos. A modelo disse a CBS News em 2007 que ela concordou em posar para a campanha porque"eu disse que se eu posso colocar os meus anos de sofrimento para uma boa utilização, então não terá sido inútil. ... Eu sei que é uma foto chocante, e eu quero que ela choque. é realmente um aviso que é uma doença séria. "

A modelo Tinha a altura de 1,65 no momento da campanha de cartazes, e pesava 32 kg.

A Mulher que Venceu a Anorexia e se Tornou Mãe

Seu corpo era tão esquelético que os médicos alertaram Hayley Wilde que ela tinha pouco mais de uma semana de vida. Mas três anos depois, depois de uma batalha de oito anos contra a anorexia, ela se recuperou da forma mais enfática, dando à luz um menino. Seu filho Michael nasceu extremamente, algo que seria impensável quando ela estava em seu ponto mais baixo.

Ela estava lutando contra a doença desde que ela tinha 11 anos. Ela foi hospitalizada por meses a fio e alimentada através de um tubo. Seu cabelo começou a cair e sua menstruação parou por quatro anos. Mas a ajuda médica especializada e com o apoio de seus pais a viu recuar da beira do abismo, e, finalmente, ela e seu parceiro estavam emocionados ao descobrir que ela estava grávida.

A Mulher que Venceu a Anorexia para Caber em seu Vestido de Casamento

Anoréxica Kate superou seu distúrbio, após seu noivo comprar-lhe um vestido de noiva dois tamanhos maiores e disse a ela para ela ganhar peso para caber nele. A ex-modelo, desenvolveu estas condições depois que um ex-namorado ameaçou romper com ela se ela viesse a engorda.

"O pensamento de engordar era aterrorizante, mas eu estava preparado para fazer qualquer coisa para ser esposa de Barry," disse Kate. Ela começou a comer três refeições por dia para ganhar 20 kg em seu então peso 30 kg. O casal,casou-se em Cuba em 2009 e desde então Kates deu à luz uma filha.

As Irmãs Modelos Uruguais que Morreram de Anorexia em um Intervalo de Tempo de 6 mes

O mundo da moda chocou-se quando soube da morte de Eliana Ramos, modelo uruguaia apenas seis meses após sua irmã modelo, Luisel Ramos, 22, morreu logo depois de pisar fora de uma pista durante um desfile de moda em Montevidéu. As irmãs deveriam aparecer lado a lado na passarela na noite em que Luisel morreu, mas desmaiou antes do desfile.Eliana, de 18 anos , foi encontrada morto em sua casa em Montevidéu, capital do Uruguai. Embora nenhum relatório médico foi imediatamente liberado após a morte de Eliana, o juiz Roberto Timbal diz que ela morreu de um ataque cardíaco.